skip to main content
 
 

Visita à casa: ideias de dois quartos de criança coloridos

01-Dez-2017
Não há regras para usar cor nos quartos das crianças. Quem disse que rosa é para meninas e azul é para meninos? Veja estes dois quartos que pode usar como ponto de partida para o ajudar e aos seus filhos a planificar um quarto tão original como eles…
Quarto de criança decorado em vermelho e com padrões
Pia e a filha a lerem juntas
Espaço para crescer e para se sentir confiante
Dê espaço às crianças para crescerem, quer no sentido emocional, quer no sentido prático. “Nunca vimos a Elle (6) como uma menina de cores pastel – e isso revela-se na forma como faz experiências com roupa e com trabalhos manuais. O vermelho adequa-se à sua forte personalidade,” constata Pia. A cama da Elle é extensível, por isso, cresce com ela. E os têxteis como a roupa de cama e o tapete são formas fáceis e acessíveis de atualizar o seu quarto quando ela quiser um novo estilo, mais de acordo com a sua idade.
Quarto de criança decorado em verde e amarelo
Quarto para as coisas importantes
Deixe que os passatempos inspirem a forma como o quarto de uma criança toma forma. O Liam (9) gosta de garantir que os seus disfarces e as peças LEGO estão guardadas no seu lugar. “O Liam tem muito orgulho dos seus móveis modernos e vintage: os cacifos cinzentos pertenciam ao seu avô nos bombeiros. Quanto à cor, o verde reflete a tranquilidade do Liam,” diz Pia.
Fotografia do Liam e da Elle
Espaço para mudar
“Agora, as crianças passam mais tempo nos seus quartos, por isso preocupam-se mais com o aspeto que tem. A Elle começou agora numa escola nova e estava ansiosa para que o seu quarto parecesse de uma menina crescida. Mas nenhum tem secretária, pois preferem fazer os TPC no piso de baixo, o que deixa espaço extra para a brincadeira,” explica Pia.
Adoramos ver os nossos clientes a serem criativos com os nossos produtos. Esteja à vontade! Mas tenha em atenção que alterar ou modificar os produtos IKEA, de modo a que não possam ser vendidos novamente nem usados de acordo com o seu propósito original, significa que perde as garantias comerciais da IKEA e o seu direito à devolução dos produtos.
Realizado por
Decoração de interiores: Carl Braganza
Fotografia: Dan Duchars
Trabalho artístico no quarto de Liam: dolt.no