VOLTAR ÀS AULAS 2017
Bons estudos... à sua maneira!
Quando pensa num espaço para estudar ou fazer os trabalhos de casa, visualiza uma secretária e uma cadeira? Não é o único. Muitos de nós acham que é a melhor maneira de fazer, e até pode ser - para alguns. No entanto, cada um de nós tem necessidades diferentes quando temos de nos concentrar em novas e complicadas tarefas. Ao criar espaços de trabalho que respondam a essas necessidades únicas, não só aumentamos a possibilidade de melhores resultados, mas também tornamos a concentração mais fácil e divertida.
Família reunida na cozinha, com as crianças a fazerem os trabalhos de casa e os pais a prepararem o jantar
Do que precisa para se concentrar?
Há muitas, e por vezes concorrentes, teorias sobre a aprendizagem. Trata-se de uma área complexa. Para ter uma ideia melhor de como a IKEA vai poder contribuir, pedimos à Helle Fisker, professora e formadora certificada em estilos de aprendizagem, para nos dar algumas luzes. Ela falou-nos sobre o impacto da luz, do tipo de assento e do som. Também nos falou sobre os que aprendem pelo tato (para quem o remexer irritante com a caneta é bom!) e sobre os que aprendem através da cinestesia, que gostam de se mover para se concentrar. Para além disso, aprendemos que alguns de nós precisam de petiscar para se concentrarem e que outros devem fazer pausas entre sessões. E, é claro, todas as crianças necessitam de pausas frequentes para não ficarem demasiado impacientes.
No Youtube Player
xx
Um guia rápido para bons estudos
Abaixo apresentamos-lhe alguns aspetos a considerar ao planificar o seu espaço de estudo. Anote as suas preferências, compare-as com as soluções mais abaixo e obtenha sugestões práticas sobre como adaptar o espaço às necessidades únicas dos seus filhos (ou suas).

Antes de começar:
Observe o seu filho a estudar: o que é que precisa para se concentrar numa tarefa nova e difícil? (A mesma questão aplica-se aos adultos. Pense bem antes de responder - talvez até experimente antes. Todos temos ideias preconcebidas sobre a aprendizagem e a forma mais convencional nem sempre é a que funciona melhor). Finalmente, lembre-se de que nem sempre temos uma preferência mais forte, o que também é normal.
Menina sentada numa cadeira giratória em branco/rosa frente a uma secretária regulável, a fazer os trabalhos de casaCanto de estudo com uma secretária branca regulável em altura e uma cadeira giratória preta
Assentos formais
Concentra-se melhor quando se senta direito frente a uma secretária. Tenha apenas em atenção que tanto a cadeira como a secretária devem ter o tamanho correto, para que respondam às suas necessidades.
Rapaz sentado num pequeno sofá a fazer os trabalhos de casa O sofá está debaixo de uma cama altaPai e filho sentados num banco com arrumação - o rapaz tem um suporte para portátil nos joelhos e faz um desenho
Assentos informais
Concentra-se melhor sentado numa cadeira suave, num sofá ou deitado no chão. Em termos gerais, gosta mais de um ambiente confortável.
Rapariga a fazer os trabalhos de casa à luz de um candeeiro de secretária brancoPormenor de um projetor de mola preto preso a uma prateleira
Muita luz
Prefere estudar numa divisão bem iluminada: é assim que se concentra melhor. Também gosta de se sentar junto a uma janela, pois é aqui que obtém a maior quantidade de luz natural possível.
Rapaz sentado num pequeno sofá a fazer os trabalhos de casa O sofá está debaixo de uma cama altaRapariga sentada num sofá a ler um livro; na parede atrás, um sistema de iluminação com lâmpadas transparentes
Luz suave
Concentra-se melhor com uma iluminação suave (não gosta nada de luzes fortes e fluorescentes para estudar).
Menina a baloiçar num baloiço interiorPormenor de um banco com arrumação em branco com caixas pequenas de plástico brancas e caixas maiores em laranja
Pausas para se mexer
Precisa de fazer pausas e de se mexer para recuperar a concentração quando está a estudar. Tenha em atenção que todas as crianças necessitam de pausas frequentes, não conseguindo manter a concentração durante mais de 20 minutos, no máximo.
Menina a baloiçar num baloiço interiorMenina a baloiçar num baloiço interior
Som
Concentra-se melhor a ouvir música e não se incomoda com pessoas a conversar atrás de si quando está a estudar. Se estiver tudo muito silencioso, faz barulho propositadamente, só para quebrar o silêncio.
Rapariga sentada numa cadeira giratória adequada para jovensMenina sentada num banco de apoio frente a uma secretária regulável em altura em branco, a fazer os trabalhos de casa
Aprendizagem cinestésica/movimento
Concentra-se melhor quando pode mover-se - quer seja a bater com os pés ou a rodar a cadeira, quer seja a fazer algo totalmente diferente.
Rapaz com um suporte para portátil nos joelhos e a fazer um desenho com canetasPormenor de uma menina a pôr autocolantes num livro
Aprendizagem pelo tato
Uma das coisas que o faz concentrar-se numa tarefa nova e desafiante é mexer em algo: caneta, peluche, garrafa de água vazia, clipe...
Pormenor de uma almofada preta com problemas aritméticos em brancoRapariga aninhada num saco-cama a ler um livro
Temperatura interior quente
Adora aninhar-se frente a um aquecedor ou em qualquer lugar quente. É assim que se concentra melhor.
Tabuleiro redondo rosa com um copo de leite e petiscosRapariga a fazer os trabalhos de casa num pequeno tampo de secretária montado na parede, com várias prateleiras por cima com caixas
Comida e bebida
Precisa de petiscar algo para se concentrar e gosta de ter alguns acepipes à mão desde o início do estudo.
orange bar
Um lugar no centro da ação
Algumas pessoas gostam de estar mesmo no meio da ação para se concentrarem, não conseguindo focar-se sentados direitos frente a uma secretária. Felizmente, é muito simples acrescentar funcionalidades a qualquer divisão que seja o coração da casa num dado momento. Um banco com um colchão e muitas almofadas por cima é ótimo como assento e também serve de arrumação. Não se preocupe se não se conseguir decidir em relação ao estilo: só tem de mudar a capa das almofadas para criar um aspeto totalmente diferente. Um suporte para portátil é brilhante para praticar o alfabeto e um carrinho é muito prático para guardar e deslocar canetas, papéis e outros artigos essenciais.

O lugar no centro da ação baseia-se na necessidade de:
Assentos informais
Luz suave
Som
Aprendizagem pelo tato
O espaço de trabalho isolado
Se o seu filho precisa de se sentar frente a uma secretária para se concentrar, certifique-se de que escolhe uma secretária do tamanho certo, de preferência que cresça com ele. Com uma cadeira giratória regulável é fácil obter a posição certa para sentar. Para criar um espaço de trabalho ergonómico, há que personalizá-lo consoante as necessidades pessoais. Embora seja essencial sentar-se de forma correta, é igualmente importante ser o mais móvel possível, por isso, deve alternar-se entre posições: de pé, sentado ou apoiado. (O mais provável é que o seu filho já o faça naturalmente. O corpo humano foi feito para se mover.)
Contudo, alguns de nós precisam de se mover mais do que outros. Se o seu filho precisa de deambular para recuperar a concentração entre sessões de estudo, crie espaço para um baloiço ou uma escada de corda ou algo que encoraje a atividade física. Não só é bom para os trabalhos de casa, como também acrescenta diversão a qualquer divisão.

O espaço de trabalho isolado baseia-se na necessidade de:
Assentos formais
Muita luz
Pausas para se mexer
Aprendizagem pelo tato
O cantinho de estudo
Há muitas pessoas que preferem ter o seu próprio espaço de trabalho, embora gostando de estar no meio da ação. Ao criar um cantinho exclusivo para o estudo na cozinha, sala ou até na entrada, vai conseguir combinar facilmente estas duas preferências. Escolha uma secretária pequena que possa montar na parede. Combinada com uma boa cadeira giratória, vai ter o sítio certo para bons estudos, numa solução que ocupa pouco espaço. Use prateleiras para arrumação (e um póster como cenário flexível - aproveite para ousar!). Minicómodas e caixas de diferentes tamanhos não só ajudam a manter os artigos pequenos arrumados, mas também ajudam na decoração. Acrescente um candeeiro regulável para ter o nível de luz certo e o cantinho de estudo estará completo.

O cantinho de estudo baseia-se na necessidade de:
Assentos formais
Muita luz
Som
Aprendizagem cinestésica/movimento
O esconderijo acolhedor
Por vezes, estudar recostado no sofá é a melhor maneira de se ter ótimos resultados. Aprecie assentos confortáveis e luz suave - suficiente para ler mas muito longe dos candeeiros com luz fluorescente. Escolha superfícies e têxteis em cores vivas para criar o toque certo de conforto. Certifique-se de que tem algo para petiscar à mão, logo no início da sessão de estudo. Lembre-se também de adicionar soluções de arrumação práticas. Vai precisar de um sítio para guardar tudo depois do dever cumprido.

O esconderijo acolhedor baseia-se na necessidade de:
Assentos informais
Luz suave
Pausas para se mexer
Comida e bebida
O espaço flexível
O corpo humano foi feito para mover-se, por isso, idealmente, devemos todos poder mudar de posição com frequência. Contudo, para algumas pessoas, é absolutamente essencial poder mexer-se para se concentrar. Felizmente, é simples adaptar a maioria dos espaços de estudo para permitir mais movimento. Uma cadeira giratória ou um banco de apoio de pé podem ser a solução. Como bónus, ganha um espaço de trabalho mais ergonómico, ajustado às suas necessidades específicas - sobretudo se acrescentar uma mesa regulável em altura. Use um placar para criar uma parede flexível, com espaço para objetos bonitos e palavras de sabedoria.

O espaço flexível baseia-se na necessidade de:
Assentos formais
Muita luz
Aprendizagem cinestésica/movimento
Aprendizagem pelo tato
Quantos mais, melhor
Quer partilhe um quarto ou apenas prefira estudar com amigos, é uma boa ideia criar um espaço que acolha várias preferências. Combine assentos confortáveis e generosos e luz suave (experimente fixar um grinalda luminosa na parede para criar uma luz suave perfeita) com uma secretária bem iluminada perto da janela e está pronto para grandes voos. Um pufe grande, que possa pendurar na parede quando não estiver a ser utilizado, é perfeito quando ainda há mais companhia. O mesmo se aplica a cadeiras dobráveis e bancos empilháveis, que também servem de mesas de apoio. Acrescente auscultadores para os que gostam de música e mantas quentinhas para os mais friorentos, e está feito.

“Quantos mais melhor” baseia-se na necessidade de:
Assentos informais
Luz suave
Som
Temperatura interior quente